Participação é…? As vozes dos educadores

Participação é…? As vozes dos educadores

A participação, direito fundamental das crianças, envolve a sua competência, voz e agência para exercer influência nos diversos assuntos que lhe dizem respeito [1]. A sua promoção é considerada um investimento no bem-estar das crianças [2] e, em Portugal, as Orientações Curriculares para a Educação de Infância são explícitas quanto à sua importância [3]. Mas o… Continuar a ler

Inspiração nórdica: Valores, princípios e práticas

Inspiração nórdica: Valores, princípios e práticas

“O segredo dos nórdicos”. “O ensino que já é modelo no mundo”. Se pesquisarmos, na internet, sobre educação de infância nos países nórdicos, rapidamente encontramos informação sobre os jardins de infância na floresta, na Noruega ou na Dinamarca, assim como informação sobre a importância dada ao brincar na Finlândia, ou sobre a excelência do sistema escandinavo.… Continuar a ler

Ouve a minha ideia, podíamos fazer em conjunto! Tarefas cooperativas e participação da criança

Ouve a minha ideia, podíamos fazer em conjunto! Tarefas cooperativas e participação da criança

Desde os primeiros anos de idade, a criança pode ser envolvida em tarefas quotidianas, tais como ajudar a fazer um bolo, a arranjar o jardim e a tratar do cão. A criança aprende a desempenhar uma tarefa, a cooperar e a participar ativamente no seu contexto de vida. As tarefas cooperativas promovem a aprendizagem em… Continuar a ler

“Os meninos podem escolher o que querem fazer”: o direito de participação em salas de jardim de infância

“Os meninos podem escolher o que querem fazer”: o direito de participação em salas de jardim de infância

Esta sala é muito bonita porque a professora ouve os meninos. Os meninos podem escolher o que querem fazer e podem fazer o que querem (A., 5 anos). O direito de participação das crianças tem ganho progressivo reconhecimento e visibilidade em diversos domínios do saber. No domínio da investigação esta é uma temática recente. No… Continuar a ler